VEM PRO GOOGLE

VAMOS LÁ! CLIQUE PARA SEGUIR!

VOCÊ ENCONTROU O QUE QUERIA? PESQUISE. Nas guias está a matéria que interessa a você.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.
GUIAS (OU ABAS): 'este blog', 'blogs interessantes', 'só direito', 'anotações', 'anotando e pesquisando', 'mais blogs'.

segunda-feira, 17 de agosto de 2015

CEJUSC CENTRAL ALCANÇA 99% DE ACORDOS EM MUTIRÃO CDHU

Se você comprou um imóvel financiado e tem dívida em aberto com a CDHU, o melhor caminho é o acordo.
Em todo o Brasil foram criados centros judiciários de solução de conflitos, promovidos pelo CNJ e desenvolvidos pelos Tribunais de Justiça, para que as partes encontrem uma solução amigável. São aceitas ações relacionadas ao Direito de Família (divórcio, guarda) e às mais diversas questões, como é o caso de mutuários inadimplentes.
A solução, rápida, evita a (clique em "mais informações" para ler mais)
eternização de processos na Justiça e resolve as pendências, pela composição. Vale a pena.

O Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc) da região central da Capital promoveu, na quinta-feira (13), mais um mutirão de conciliação para casos pré-processuais envolvendo a Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU). Mutuários inadimplentes tiveram a oportunidade de resolver pendências com condições especiais de parcelamento e, dessa forma, evitar o ajuizamento de ações.
        Das 93 audiências realizadas, 92 terminaram em acordo entre as partes – índice de sucesso de 99%.
        O
s mutirões em parceria com a CDHU são realizados todos os meses e contam com o trabalho voluntário de conciliadores e mediadores capacitados pelo TJSP, sob a supervisão do juiz coordenador do Cejusc, Ricardo Pereira Junior. Além de auxiliar na redução de processos na Justiça, os mutirões têm caráter social, pois oferecem uma solução amigável para situação angustiante: a possível perda do imóvel.

        Serviço
        Cejusc Central da Capital
        Rua Barra Funda, 930, 2º andar – Barra Funda
        Telefone: (11) 3661-1625

        Fonte: Comunicação Social TJSP 

Seja leal. Respeite os direitos autorais. 
Faça uma visita aos blogs. Terei prazer em recebê-lo. Seja um seguidor. Para acompanhar as publicações, clique na caixa “notifique-me”:
Esteja à vontade para perguntar, comentar ou criticar.
Thanks for the comment. Feel free to comment, ask questions or criticize. A great day and a great week!

Maria da Glória Perez Delgado Sanches
Postar um comentário

ITANHAÉM, MEU PARAÍSO

ITANHAÉM, MEU PARAÍSO
Praia, sol, mar... rios, aves, plantas, flores, frutos... a natureza em todas as potencialidades. O belo, próximo. A segunda cidade mais antiga do Brasil, a Amazônia Paulista, minha paixão.

Quem sou eu

Minha foto

Da capital, já morei entre verde e bichos, na lida com animais e plantas: anos de injeção, espinho de ouriço, berne, parto de égua e curva de nível, viveiros, mudas, onde encontrei tempo para lecionar inglês, alfabetizar adultos e ler livros, na solidão do mato. 

Paixões se sucederam e convivem até hoje: Contabilidade, Economia, Arquitetura (IMES, MACK), a chácara e, afinal, o Direito (FDSBC, cursos e pós graduações). No Judiciário desde 2005, planto, replanto, reciclo, quebro paredes, reconstruo, estudo, escrevo e poetizo, ao som de passarinhos, que cantam nossa liberdade.

Não sou da cidade, tampouco do campo. Aprendiz, tento captar o que a vida oferece, para que o amanhã seja melhor. Um mundo melhor, sempre.

Agora em uma cidade mágica, em uma casa mágica, na qual as coisas se transformam e ganham vida; mais e mais vida. Minha cidade-praia-paraíso, Itanhaém.

Nesta casa de espaços amplos e um belo quintal, que jamais é a mesma do dia anterior, do minuto anterior (pois a natureza cuida do renovar a cada instante o viço, as cores, flores, aromas e sabores) retomei o gosto pelo verde, por releituras de espaços e coisas. Nela planto o que seja bom de comer ou de ver (ou deixo plantado o que Deus me trouxe), colho, podo, cozinho os frutos da terra, preparo conservas e invento pratos de combinações inusitadas, planejo, crio, invento, pinto e bordo... sonho. As ideias brotam como os rebentos e a vida mostra-se viva, pulsante.

Aqui, em paz, retomo o fazer miniaturas, componho terrários que encantam, mensagens de carinho representadas em pequenas e delicadas obras. 

Muito prazer! Fique à vontade, passeie um pouco: questões de Direito, português, crônicas ("causos"), jardinagem e artesanato. Uma receita, uma experiência nova, um redescobrir. 

Pergunte, comente, critique, ok? A casa é sua e seu comentário será sempre bem-vindo.

Maria da Gloria Perez Delgado Sanches

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

Arquivo do blog

VIVER

“Viver é a coisa mais rara do mundo. A maioria das pessoas apenas existe.” (Oscar Wilde)

SONHOS

“Todos os homens sonham, mas não da mesma maneira. Existem aqueles que têm seus sonhos à noite, nos recônditos de suas mentes, e ao despertar, pela manhã, descobrem que tudo aquilo era bobagem. Perigosos são os homens que sonham de dia, porque são capazes de viver seus sonhos de olhos abertos, dispostos a torná-los realidade.” (T. E. Lawrence)